Sem categoria

Os consumidores mudaram, assim como todo o mercado. Essa transformação existiu mesmo antes da pandemia do coronavírus (COVID-19). As preocupações mudaram, as necessidades já não são mais as mesmas, a importância da origem do que se consome e seus componentes. Todas essas questões, e muitas outras, que antes não eram determinantes para a decisão de compra, hoje são essenciais.

O consumidor, hoje, é mais concentrado em questões ambientais, naturais e sociais. É um bombardeio de informações para todos os lados, e muitos deles passaram a se importar com produtos e serviços que não cumprem com essas conscientização, e até mesmo, eliminando-as de suas opções de consumo. 

Transformações dos consumidores na pandemia

A inovação tecnológica e virtual permite que o consumidor se mantenha conectado a todo momento e em todo e qualquer lugar, isso tudo colabora para seu acúmulo de informações e impacto em decisões da vida, incluindo, do que consumir ou não. 

Por exemplo, uma empresa de instalação de elevador de carga que esteja envolvida em um escândalo ambiental tem enormes chances de enfraquecer perante ao mercado.

Toda essa transformação nos faz entender que o consumidor tem novos fatores que impactam em suas escolhas, pois o público tem se tornado cada vez mais exigente, mais crítico e, consequentemente, influenciador de outros consumidores.

Atualmente, o consumidor detém de muito mais informações sobre qualquer marca, empresa ou categoria de produto que seja de seu interesse, por isso, ele pesquisa muito mais, conhece mais e faz escolhas mais conscientes.

As redes sociais também se tornaram um fator que influencia fortemente na decisão de compra do cliente, pois através de experiências de terceiros, o consumidor pode se influenciar ou não. Facebook, Instagram, TikTok, Linkedin, etc, são meios de comunicação de massa, e uma vez que um cliente expõe sua experiência, isso pode impactar diretamente em demais potenciais clientes, positiva ou negativamente. 

O comportamento do consumidor em 2022

A tecnologia acelerada, a imersão no mundo digital, principalmente pós pandemia, quando o único meio de contato com negócios, amigos, compras, entre outros, existia por meio da internet, fez com que o consumidor alcançasse produtos e serviços com muito mais comodidade.

Com isso, as empresas tiveram que se adaptar, se intensificar em novos formatos, ferramentas e plataformas que o auxiliassem a atingir o público desejado. Investimentos em mídia, comunicação e entrega se tornaram cada vez mais essenciais em qualquer segmento, seja uma loja de eletrodomésticos ou uma empresa de descarte de lixo eletrônico.

Isso acontece porque não há mais a necessidade de ir de loja em loja, avaliar produto por produto, pesquisar por tempos e diversos lugares para encontrar o melhor preço. Hoje, tudo está a um clique de distância, com uma simples pesquisa é possível encontrar o melhor prazo, menor prazo de entrega, informações sobre o vendedor, entre outras características que determinam uma compra.

Por isso, quando as marcas querem falar diretamente com seu público-alvo, é preciso estar onde ela está, disponível às suas necessidades, disposta a investir em maneiras eficientes de sanar a necessidade desse público.

Para entender o comportamento dos consumidores neste período, é essencial estabelecer um conjunto de ações que englobam coleta e análise de dados e informações da forma mais abrangente possível. Isso vale para uma loja online de sapatos ou um comércio de instalação de aterramento.

Com isso, concluímos que ter ciência dos novos hábitos e critérios decisivos do consumidor possibilita um maior alcance e entendimento sobre o perfil de cada tipo de consumidor. É essencial se adaptar e estar à frente para conseguir oferecer o que o seu cliente busca.

Este artigo foi escrito pela equipe do Soluções Industriais.

Compartilhe